Quem sou eu

Minha foto
Um ser humano simples com defeitos, virtudes e que a cada dia procura viver de uma forma mais coerente possível para ser feliz. Sou cadeirante desde 1977 devido a poliomielite (Paralisia infantil), blogueiro, ex Locutor do telemensagem Shalom,Palestrante, presidente da A.D.C.C.-ASSOCIAÇÃO DOS CADEIRANTES DE CARUARU, Ex bailarino,ex secretário e conselheiro do COMUD- Conselho municipal de defesa dos direitos das pessoas com deficiência, ESTUDANTE DE ECONOMIA NA UFPE CAA(Passei a emoção é inexplicável)! Primeiro cadeirante aprovado e sem cota em ampla concorrência. Membro do NACE-Núcleo de Acessibilidade da UFPE-CAA. Estudante em pesquisa de extensão em Direitos Humanos-UFPE CAA e Secretário do DA-Diretório Acadêmico do curso de Economia-UFPE,CAA

sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Criança autista dá lição de vida em tarefa de Filosofia e surpreende ao revelar sonho

A tarefa escolar de Eduarda, uma linda garotinha de sete anos vem comovendo os internautas por todo o Brasil. Tudo porque, durante a aula de Filosofia, a pequena deu seu ponto de vista contando seu maior sonho: comer dois potes de sorvete.
Kenya Santos, mãe da menina, compartilhou o registro da tarefa no Facebook e contou que Eduarda é autista. “De todas as qualidades que você possui, sua inocência, pureza e seu modo de viver e pensar me dá forças para seguir. Nestes momentos eu vejo que todo o esforço vale a pena. Seu sonho é comer dois potes de sorvete. Minha anja azul”, derrete-se a mãe, orgulhosa.
— Para ela, não foi nada diferente, não me contou nada sobre a atividade, foi como se fosse normal. Quando eu vi, não sabia se ria ou chorava — conta Kenya, que mora com a filha na cidade de Colombo, no Paraná.

A mãe também abre uma reflexão sobre o que aprendeu com a atividade escolar da filha.
— Nós adultos temos tantos sonhos, desejos e às vezes nem tudo é necessidade. Realmente parei para pensar: "O que é imporante hoje?". Chorei, chorei muito. São coisas pequenas que fazem a diferença, pequenos gestos — avalia a mãe.
Além de surpreender ao revelar seu sonho, a pequena, que completa oito anos no próximo dia 12, também avalia a diferença entre desejo e necessidade: “Necessidade é o que a gente precisa. Desejo é o que a gente não precisa”, conclui.

Fonte-EXTRA GLOBO

Nenhum comentário:

Postar um comentário